sexta-feira, 9 de novembro de 2007

A minha Cadela

Hoje decidi apresentar-vos a Dora, tem 4 meses e meio, a mãe é labradora e o pai é podengo, pesa 9,500Kg. Adoptei-a na Feira de S. Mateus em Viseu com apenas 2 meses, estava lá numa tendinha, no Cantinho dos Animais Abandonados de Viseu. Eu já conhecia esta associação e sempre tive vontade de adoptar um cão, mas nunca pensei em ir lá de propósito e nesse dia nem ia a contar adoptar até porque não sabia que estavam lá a tentar dar os cachorros para adopção. Assim que dei com os olhos nela foi impossivel não a trazer. Apesar de ela ser o terror aqui de casa não estou arrependida, e quando digo terror é mesmo terror, já roeu o fio do computador portátil, o fio do rato (foi logo para o lixo), os fios de dois carregadores de telemoveis, o cabo usb da impressora, a minha carteira, a minha bota... eu começo a pensar que ela quer ser electricista.... Ora digam lá que não é linda!!!




3 comentários:

Habiba disse...

Muito muito linda... andava com vontade de a conhecer!
Tens que a meter a tirar uma formação de electricista para ela se especializar...eheh
Jinho

isabel santos disse...

Olá Catarina!
Obrigada pela tua visita ao meu blog.
Também tens quadros e toalhas muito bonitas.
A Dora é de facto uma cadela muito bonita e que merecia que alguém ficasse com ela e a trata-se bem, o pior são os eatragos... mas com o tempo pode ser que passem.
Tem um excelente fim de semana.
Beijinhos
Isabel

Elisabete disse...

É tão linda!!! Isso é enquanto é cachorrinha,esperemos! Qdo crescer mais um pouquinho acalma..Nunca tivemos um cãozinho que nos estragasse coisas em casa,foram todos bem comportados, a Dalila sabe que só pode roer os brinquedos dela,ainda bem! mas tb,lá está, já não é cachorra.Beijinhos para ti e para a Dora!